Néstor Pitana vai arbitrar a final do Mundial

Árbitro argentino vai ser assistido pelos compatriotas Maidana e Belatti.
12 jul 2018
Redação
Mundial
EPA/RITCHIE B. TONGO

A FIFA nomeou hoje o árbitro argentino Nestor Pitana, de 43 anos, para arbitrar a final do Mundial que decorre na Rússia.

No França-Croácia, Pitana vai ser auxiliado pelos também argentinos Hernan Maidana e Juan P. Belatti. O quarto árbitro é o holandês Bjorn Kuipers.

 

 

Este vai ser o quinto jogo que Pitana vai apitar na prova, depois de se ter estreado no primeiro jogo do torneio, em que a Rússia bateu a Arábia Saudita por 5-0.

O juiz já arbitrou, neste torneio, dois jogos dos finalistas: esteve no empate a uma bola entre Croácia e Dinamarca e na vitória francesa sobre o Uruguai.

O jogo está marcado para as 16h deste domingo.

A nomeação para o jogo entre Bélgica e Inglaterra, semifinalistas vencidos, também já foi revelada: a arbitragem fica entregue ao iraniano Alireza Faghani.

 

 

Belgas e ingleses encontram-se às 15h de sábado.

Mais Notícias