Familiares de vítimas de acidente com elétrico recebem apoio psicossocial

A Junta de Freguesia da Estrela, em Lisboa, ativou equipas de apoio psicossocial para ajudar os familiares das 28 vítimas do acidente.
15 dez 2018
Agência Lusa
Atualidade
LUSA

A Junta de Freguesia da Estrela, em Lisboa, onde na sexta-feira descarrilou um elétrico provocando vários feridos, ativou equipas de apoio psicossocial para ajudar os familiares das vítimas do acidente, anunciou hoje a autarquia.

O apoio, feito em conjunto com os serviços da Proteção Civil, foi dado a 10 familiares, de acordo com um comunicado da Junta, que acrescenta que, até agora, foram registados 28 feridos.

Na sexta-feira, cerca das 18:00, o elétrico da carreira 25 (Campo de Ourique-Praça da Figueira) descarrilou no cruzamento da Rua São Domingos à Lapa com a Rua Garcia de Orta, obrigando a trabalhos de remoção que duraram até depois da meia-noite de hoje.

A empresa rodoviária Carris anunciou, entretanto, que vai abrir um "inquérito minucioso" para apurar quais as razões que levaram ao descarrilamento.

Segundo adianta hoje a Junta de Freguesia da Estrela, as duas crianças que constavam na lista de feridos "não inspiram grandes cuidados", mas um dos feridos "poderá ter sofrido uma perfuração do tórax"

As vítimas foram encaminhadas para os Hospitais de São José, Santa Maria e São Francisco de Xavier.


 

Mais Notícias