Iggy Pop, Bauhaus, Placebo e Suede no EDP Vilar de Mouros 2021

O cartaz do festival mais antigo da Península Ibérica promete. E a M80 vai lá estar.
partilhar

EDP Vilar de Mouros 2021

26, 27 e 28 de agosto

26 DE AGOSTO - PLACEBO E SUEDE 

28 DE AGOSTO - IGGY POP, BAUHAUS, WOLFMOTHER, THE LEGENDARY TIGERMAN 

 

Os Placebo e os Suede, que atuam a 26 de agosto, são as novas confirmações do EDP Vilar de Mouros 2021 e juntam-se aos já anunciados Iggy Pop, Bauhaus, Wolfmother e The Legendary Tigerman, nomes que compõem o cartaz do último dia do festival, 28 de agosto. Os bilhetes estão disponíveis pelos preços de €80 (três dias) e de €40 (um dia) e podem ser adquiridos nos locais habituais. 


Há grupos que quando aparecem são absolutamente definidores da história da música. Chegam sem aviso, em contracorrente, e são recebidos por uma larga franja do público melómano com gritos de louvor. Foi o que aconteceu com os Placebo, banda que não pediu licença para contornar o Britpop e moldar o rock ao seu jeito andrógino e, com isso, rebentar nos tops de todo o mundo, vendendo mais de 12 milhões de álbuns até aos dias de hoje. 


A lista de trabalhos icónicos, peças de devoção do rock alternativo, hedonista e lascivo, é digna de vénia, valendo o amplo reconhecimento da indústria que aclamou os Placebo em 2009 como "Melhor Banda Alternativa" nos MTV Europe Music Award. Uma consagração facilmente explicada pela enxurrada de sucessos que foram sendo lançados disco após disco, fazendo tremer as playlists das rádios, rendidas a êxitos como "Nancy Boy", "Every You Every Me", "Without You I’m Nothing" – com a colaboração de David Bowie, clara inspiração de Molko – "Taste in Men", a controversa "Special K" ou a explosiva "The Bitter End".


Estas são algumas das muitas malhas que preenchem uma carreira imaculada de mais de vinte anos à prova de bala e que foi colecionando concertos épicos de casa cheia em Portugal, país sempre devoto aos Placebo. A atuação da banda de Brian Molko e Stefan Olsdal no mais antigo festival da Península Ibérica é, por isso, um dos momentos mais aguardados desta edição, apimentada pela promessa de um novo álbum de estúdio – o segundo nos últimos dez anos e oitavo de originais da carreira.


Louvores semelhantes merecem os Suede, banda pioneira do Britpop e na arte de cozinhar singles rápidos e poderosos capazes de ecoar até à intemporalidade. Aliás, o vocalista Brett Anderson e o guitarrista Bernard Butler, duo responsável pela escrita dos primeiros temas dos Suede, conseguiram a proeza de serem aclamados pela imprensa britânica como Best New Band in Britain ainda antes de lançarem um único single. 


O que se passou a seguir foi absolutamente extraordinário: os Suede fizeram história aquando da apresentação do álbum homónimo de estreia em 1993, o primeiro disco mais rapidamente vendido no Reino Unido de sempre e vencedor do prestigiado Mercury Music Prize para melhor álbum do ano. Dele fazem parte temas icónicos como "Animal Nitrate", "The Drowners" ou "So Young". Seguiu-se Dog Man Star (1994) e a saída atribulada de Butler, que foi superada com Coming Up (1997), o álbum que voltou a posicionar os Suede no topo de vendas do Reino Unido graças a canções como "Trash", "Beautiful Ones" e "Lazy".
Apesar dos altos e baixos e de um interregno de mais de dez anos após o lançamento de A Head Music (1999) e New Morning (2002), os Suede voltaram em força aos originais em 2013, com Bloodsports, ao qual sucederam Night Thoughts (2016) e The Blue Hour (2018), marcos de uma carreira com oito trabalhos de originais repletos de melodias sedosas, obscuras e ambíguas.   
Recorde-se que quem comprou o passe geral ou um bilhete diário para o EDP Vilar de Mouros 2020 terá garantida a sua entrada para a edição de 2021, no(s) respetivo(s) dia(s) da semana associados à sua compra. Quem, contudo, lamentavelmente, não encontrar forma de nos acompanhar no próximo ano, pode requerer, sem qualquer complicação, a devolução do seu ingresso na plataforma de ticketing onde foi adquirido entre 13 de julho e 31 de agosto. 


Mais informações sobre o cartaz e os bilhetes em www.edpvilardemouros.com
 

 

 

Recomendamos