Marcos Fernandes
06 abril 2021, 17:01
Partilhar

Fundador da Amazon continua o mais rico do mundo, num ano em que se bate o recorde de bilionários

CRISTOBAL HERRERA-ULASHKEVICH / EPA
Se a crise pandémica afetou os mais ricos não foi pela negativa.

Apesar da pandemia, nunca o mundo teve tantos bilionários: 2.755. Jeff Bezos, o fundador da Amazon, o site de compras, é o homem mais rico do mundo pelo quarto ano consecutivo, segundo a nova lista anual da Forbes, divulgada hoje. Maria Fernanda Amorim, viúva do empresário Américo Amorim, é a portuguesa mais rica, ocupando o lugar 608 na lista de bilionários da Forbes.

Jeff Bezos tem uma fortuna avaliada em 149 mil milhões de euros. É seguido por Elon Musk, fundador da Tesla (127 mil milhões), Bernard Arnault, empresário de artigos luxo (126 mil milhões), Bil Gates, filantropo e um dos fundadores da Microsoft (105 mil milhões), Mark Zuckerberg, fundador do Facebook (82 mil milhões), e Warren Buffet, investidor e filantropo (81 mil milhões).  Maria Fernanda Amorim e a família têm uma fortuna avaliada em 4 mil milhões de euros.

Numa altura em que muitos milhões de pessoas perderam rendimentos por todo o mundo devido à covid-19, a fortuna dos bilionários passou de 6,7 triliões de euros para 11 triliões.

"Os muito, muito ricos ficaram muito, muito mais ricos", diz Randall Lane, editor na revista Forbes.