A m80 em Direto

07h às 11h
Redação
23 julho 2021, 15:40
Partilhar

Fernando Daniel: "vou ser um pai muito preocupado com tudo"

Partilhar
Facebook Oficial Fernando Daniel
Redação
23 julho 2021, 15:40
O músico contou-nos o que está a sentir na condição de futuro pai. A mãe é Sara Vidal, com quem Fernando Daniel namora há cinco anos.

 

Fernando Daniel vai ser pai em breve e não podia estar mais feliz com o novo papel. A mãe do bebé, que ainda não sabemos se é menino ou menina, é Sara Vidal, com quem o músico namora há cinco anos.

O dono de 'Voltas', de 25 anos, deu a notícia na semana passada, no dia em que lançou o tema 'Raro', canção que, como nos disse, levanta o véu de uma nova sonoridade. O novo tema surge depois da recente colaboração com Agir na canção 'Sem Ti'. 

Conversámos com o músico sobre as expectativas para a fase da paternidade e, claro, sobre o novo tema cujo vídeo ilustra a felicidade do casal com a vinda do primeiro filho. O nascimento está previsto para dezembro.
 

Como é que te sentes com um pé na paternidade?

Estou muito feliz. É algo que já quero há muito tempo. Fui tio muito cedo, quando tinha apenas 12/13 anos. Gosto de lidar com crianças desde essa altura. Aliás, quando a minha irmã vivia no Luxemburgo aproveitava sempre as férias de verão para estar com o meu sobrinho. Fui ganhando carinho pelas crianças desde cedo. Carinho e não só. Também sei o que é não poder dormir à noite. Quando os bebés choram não são apenas os pais que não dormem. A casa no geral também não dorme. (risos)

Já fizeste o estágio, então...

Sim. Já fiz o estágio todo. (risos) Acho que eu e a Sara reunimos as condições necessárias e a todos os níveis para sermos pais. Foi propositado. Era algo que já queríamos há algum tempo. Foi tudo pensado. 

Aproveitaste o lançamento do vídeo do tema 'Raro' para dar a novidade aos teus fãs. Como é que te lembraste disso?

Quando soube que ia ser pai, metade da canção já estava feita. Achei que a letra fazia sentido. É uma canção de amor. Muitas vezes estamos com alguém que não nos completa. Apenas encaixamos, não nos completamos. Eu acho, aliás, tenho a certeza que estou com uma pessoa que me completa. Aproveitei toda esta mensagem positiva - a mensagem de nos termos encontrado um no outro - e acabei a canção. Encontramo-nos e demos frutos. (risos) Continuei a compor a canção nesse sentido, a enaltecer o amor que tenho com a Sara. No fim do videoclipe, anuncio que vamos ser pais. Acaba por ser uma mensagem de que o amor é bonito e vale a pena. É um hino ao amor.

 


 

E a Sara aparece no vídeo...

Sim, aparece. Foi algo difícil de conseguir. A Sara não gosta muito de aparecer. Gosta mais de estar no anonimato. 
 


 

Que tipo de pai é que achas que vais ser?

Eu sou muito brincalhão. Acho muito importante não perdermos a criança que temos dentro de nós. Com os meus sobrinhos sou o tio que desorganiza tudo, estou sempre a desafiá-los para irmos jogar à bola ou brincar às escondidas. Mas acho que vou ser um pai preocupado com tudo. Acho que vou ser daqueles pais que estão sempre a dizer aos filhos para terem cuidado. Acho que a Sara é mais desenrascada nesse aspeto. Eu estou sempre preocupado com tudo. A minha cabeça não pára. 

E já escolheram nomes?

Sim, sim. Se for rapaz, será Fernando. Eu sou Fernando, o meu pai é Fernando, o meu avô é Fernando. Gostava de continuar esta linhagem. Se for menina, será Matilde. O nome Leonor também estava em cima da mesa. Chegámos a um acordo. Se for menino, sou eu a escolher. Se for menina, é a Sara. Claro, isto sempre com o aval e concordância do outro. 
 

O tema 'Raro' é um prenúncio do quê? O que é que vem aí?

Levanta o véu de uma nova sonoridade. Acho que é sempre bom sairmos da nossa zona de conforto sem nunca sairmos daquilo que nos representa e caracteriza. O 'Raro' já é a sonoridade do próximo disco, no entanto abre a porta à reedição do "Presente", o meu último álbum que entretanto já é disco de ouro. Convidei três artistas para cantar comigo músicas desse disco. Posso dizer que está muito bonito. Falta só afinar os últimos detalhes.  Deve sair no final do ano.

 


 

Fernando Daniel está em digressão pelo país com o disco "Presente" na bagagem. A 20 de agosto, o músico vai atuar no festival Música no Parque, em Cascais. A primeira parte está entregue à cantora Cláudia Pascoal.
 

Partilhar