Ouça a M80, faça o download da App.
Redação / Agência Lusa
22 junho 2022, 12:40
Partilhar

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

Partilhar
Redação / Agência Lusa
22 junho 2022, 12:40
O atual contexto agrícola continua marcado pela seca, pela escalada dos custos e pela subida dos preços.

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou hoje o INE.

"As previsões agrícolas, em 31 de maio, apontam para a normal instalação das culturas de primavera, numa conjuntura fortemente marcada pela seca, pela escalada dos custos com os meios de produção, pela subida dos preços dos produtos agrícolas e pela suspensão das transações comerciais com a Rússia e a Ucrânia", refere o Instituto Nacional de Estatística.

No caso do arroz, as sementeiras "têm decorrido com normalidade", sendo que a diminuição de 5% na área semeada se deveu "exclusivamente às obras de manutenção dos canais de rega de Alcácer e Grândola" (já intervencionados em 2020).

No Baixo Sorraia, o INE estima que a área aumente "ligeiramente, devido à conversão de áreas de pastagem permanente em canteiros de arroz".

Já no caso da batata, o recuo previsto da área de 10% no regadio e de 15% no sequeiro resultou de "fatores meteorológicos, económicos e técnico/agronómicos", designadamente a "falta de precipitação e humidade no solo, aumento dos preços dos meios de produção, em particular dos fertilizantes e dos combustíveis e proibição de utilização de antiabrolhantes de síntese à base de clorprofame".

Partilhar