Ouça a M80, faça o download da App.
Redação / Agência Lusa
11 agosto 2022, 11:52
Partilhar

Salários médios por trabalhador diminuem 4,6% em termos reais no 2.º trimestre

Partilhar
Pixabay
Redação / Agência Lusa
11 agosto 2022, 11:52
Tanto a componente regular como a componente base daquela remuneração aumentaram 2,5%.

A remuneração bruta total mensal média por trabalhador (por posto de trabalho) diminuiu 4,6%, no segundo trimestre, em termos reais, tendo como referência a variação da inflação, que atingiu 9,1% em julho, divulgou hoje INE.

Na quarta-feira, o INE confirmou a taxa de inflação de 9,1%, em julho, superior em 0,4 pontos percentuais à observada no mês anterior e a mais elevada desde novembro de 1992, tal como tinha avançado na estimativa rápida divulgada em 29 de julho.

Os resultados apresentados pelo INE abrangem 4,4 milhões de postos de trabalho, correspondentes a beneficiários da Segurança Social e a subscritores da Caixa Geral de Aposentações.

Em relação junho de 2021, os maiores aumentos da remuneração total foram observados nas atividades de eletricidade, gás, vapor, água quente e fria e ar frio (21,2%), nas empresas de um a quatro trabalhadores (6,5%), no setor privado (4,4%) e nas empresas de serviços de alta tecnologia com forte intensidade de conhecimento (6,1%).

Já os aumentos mais baixos foram observados nas atividades de Administração Pública e Defesa, Segurança Social Obrigatória (0,1%), nas empresas com 250 a 499 trabalhadores (0,1%), no setor das Administrações Públicas (1,4%) e nas empresas de outros serviços com forte intensidade de conhecimento (1,3%).

Partilhar